Nota Pública – OJB manifesta-se em defesa de jornalista ofendido por governador

A Ordem dos Jornalistas do Brasil manifesta-se publicamente em defesa do colega Rodrigo Constantino em razão das ofensas proferidas contra ele pelo governador de São Paulo, João Doria.
Durante o espaço que lhe foi concedido pela Jovem Pan a título de “direito de reposta”, o governador pouco se ateve a tratar das colocações feitas por Rodrigo Constantino que teriam motivado a concessão deste direito, preferindo usar a quase totalidade do espaço para proferir ofensas e desqualificações a um profissional de mídia.
É um pressuposto básico da democracia que qualquer cidadão tenha o direito de expor suas opiniões, e o respeito mútuo deve sempre balizar os limites do debate público. No caso em tela, havia ainda o agravante de se tratar de uma relação desigual, em que um governador, com acesso a todos os instrumentos de poder da máquina estatal, partiu para a agressão contra um expoente da imprensa livre, tendo inclusive “pedido a cabeça do jornalista no ar”, segundo o próprio ofendido. Caso esse suposto pedido venha a ser atendido, total ou parcialmente, ficará configurado um enorme atentado à liberdade de expressão e ao exercício do verdadeiro jornalismo no Brasil.
Assim sendo, repudiamos a atitude grosseira e desrespeitosa do governador João Doria contra um profissional no exercício de seu trabalho, e defendemos que nenhuma punição ou boicote sejam praticados contra o jornalista Rodrigo Constantino por qualquer órgão de imprensa em razão da atitude lamentável do governador.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Abra um Chat