Premiações

Homenageados

Prêmio Hipólito da Costa – PATRONO DA IMPRENSA BRASILEIRA

A Ordem dos Jornalistas do Brasil (OJB) realizou a 2ª Edição da PREMIAÇÃO HIPÓLITO DA COSTA – Diploma de Mérito Profissional, que consagra o desempenho de diversos profissionais ligados a área de comunicação, educação e empreendedorismo que desenvolveram um papel importante.

Personalidades como Paulo Henrique Amorim, âncora do Domingo Espetacular da Rede Record, os jornalistas Celso Freitas – Rede Record; Luciano do Valle – Band; Chico Pinheiro – Rede Globo; Salete Lemos – CNT; Eduardo Grillo – Globo News e Antônio Carlos – Rádio Globo, também receberam a medalha e diploma. Entre os empresários homenageados, Hélio Castor Maciel – presidente da ADERJ e José de Souza e Silva – presidente da Bolsa de Gêneros Alimentícios do Rio de Janeiro, deram continuidade a solenidade. Na categoria música, com 30 anos de sucesso, A banda Roupa Nova, representada pelos músicos Kiko e Paulinho, recebeu o merecido prêmio. E, aplaudido de pé, por sua determinação, exemplo de vida e superação, o Maestro João Carlos Martins, emocionou a todos com sua simpatia e talento incontestável ao receber a medalha.

A premiação Hipólito da Costa, da Ordem dos Jornalistas do Brasil, além de homenagear aqueles que sempre se destacaram na imprensa nacional, de maneira brilhante, homenageia também com o diploma do Mérito Profissional, excelentes profissionais na área de segurança pública, empresários, autoridades e música, fechando com chave de ouro o “hall”daqueles que lutam por um país melodiosamente melhor.
Hipólito da Costa é considerado o patrono da Imprensa no Brasil, uma vez que seu jornal, “O Correio Brasiliense” foi o primeiro a circular no país em 1808. Também coube a ele, a cadeira 17 da Academia Brasileira de Letras, como iniciador da imprensa brasileira.

Confira abaixo as imagens da última cerimônia de entrega, realizada na sede da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro

Abra um Chat